Muito bom te ver aqui

4 de agosto de 2011

URGENTE ,QUEREM CALAR UM COMPOSITOR POR FALAR A VERDADE

E ISSO MESMO QUEREM CALAR O músico gaúcho Tonho Crocco que é alvo de uma ação do Ministério Público por crime contra a honra, em decorrência da divulgação do rap Gangue da Matriz. Gravada em vídeo divulgado no site do compositor em dezembro de 2010, a música é um protesto contra o aumento de 73% nos salários que os deputados da Assembléia Legislativa do Rio Grande do Sul concederam a si mesmos na época.


Essa musica tem que ser o começo da luta do povo Brasileiro para acabar com esse conversa de aumentar o próprio salário.
Quem dera se outros músicos se juntassem a Tonho Crocco e fizessem mais musica assim.
Ele não merece ser punido por disser a verdade, tudo o que ele diz e o que o povo sente quando ouve a noticia de mais um aumento absurdo sobre os salários dos Deputados, Senadores, Vereadores etc. etc...
Você já parou para pensar que os políticos são os únicos empregados e aumentam seu próprio salário?
E como se você chegasse ao seu chefe, Patrão (empregador) e disser assim: Olha vou aumentar meu salário 200%%, não me interessa se você pode ou não me pagar, eu quero e pronto.


Gente vamos acordar, temos que para com isso, o povo e que tem que decidir quando, como, quanto tem que ser esse salário
Por isso espalhe , fale, grite reclame, use o twitter, facebook, orkurt, o importante e falar.


Vamos de alguma forma ajudar esse musico, porque se permitimos que calem esse musico isso será o começo para censura voltar com força total.
Acredite em voce .








Ajude : ALERTA DAS ABELHAS - AJA AGORA! http://corderosachoque22.blogspot.com/2011/01/silenciosamente-ao-redor-do-mundo.html

17 comentários:

✿ chica disse...

Um absurdo.Ele falou a verdade!!!beijos,chica

Xipan Zéca disse...

Tamos aew!!

Macaco tá ligado, e vai promover...

Deussssskiajude
Tatto

Ricardo Chicuta. disse...

O cara vai ser processado por falar a verdade.Não estou surpreso.

Lídia disse...

Caracas!! Só pq o cara deu nomes aos "bois"... Tá certo, tem mais é que denunciar Lídia. E o salário mínimo óh...
Bjussss

claudete disse...

É verdade..Acompanhei a entrevista do cantor pela televisão em dado momento ele acha que excedeu-se um pouco , achou que pode ter sido muito duro, mas não faltou com a verdade. Beijos Lídia.
obs: ainda não consegui tempo de jogar no facebook, desculpa.

♥ Vanda ♥ disse...

Amiga, me add no face novo, aquele de pane.
Beijokas

http://www.facebook.com/vandaalvarengaeferreira

Silenciosamente ouvindo... disse...

Pois hoje em dia até a verdade
não pode ser dita. A ditadura
está aí por todo o lado. Quis
enviar-lhe um email mas veio
devolvido.
Beijinho
Irene

CEM PALAVRAS disse...

E a liberdade de expressão, onde está???

Silenciosamente ouvindo... disse...

Uma vergonha!!!As democracias já
quase não existem.Beijinho

Wilson e Sanzinha disse...

Bom dia!

Nosso antigo blog – Nuestro Cielo – infelizmente foi invadido e completamente excluído, o que nos obrigou a criar outro novamente.
Pedimos desculpas pela confusão. 
Aqui está o link do novo blog:

http://nuestrociello.blogspot.com

Esperamos poder nos encontrar por lá novamente.

Beijos carinhosos!

Wilson e Sanzinha

Andréia Sant'Anna disse...

Oi Lidia!
Isso não é novidade aqui no Brasil... falar a verdade é processado... prometer mentiras, vira deputado. Infelizmente, é o Brasil em que vivemos.
Bjos e que sua semana seja iluminada.

Clecilene Carvalho disse...

E povo: sem sáude, moradia, educação... a verba vai toda para corrupção!


Bejim

Silenciosamente ouvindo... disse...

Há mais alguma evolução deste caso?
Gostaria de saber.
Bj
Irene

Socorro Melo disse...

Oi, Lídia!

Acho que não conheço a música, mas, pelo tema, com certeza o compositor sofre uma tremenda perseguição. É lamentável, pois, ao que parece, a música é apenas um retrato da nossa vergonhosa realidade.

Grande abraço
Socorro Melo

Silvia 'Sam' Cássivi disse...

censura pro que é conviniente à eles.... ê Brasil :/

✿ chica disse...

Vim te ver e deixar um beijo,chica

ONG ALERTA disse...

Dizer o que este país é um absurdo, beijo Lisette.